Presidente do PR PR nos estados Manchetes Download Hino Nacional do Brasil
História do PR Fale com o PR Notícias Republicanas Manual de Aplicação da Marca PR
Prefeituras do PR Ficha de Filiação ao PR Fotos dos Deputados do PR Assessoria Jurídica
Vereadores do PR Fórum Republicano Fotos dos Senadores do PR Vinheta do PR
Estatuto do Partido da República Manifesto do Partido da República Código de Ética do Partido da República Programa do Partido da República
 

Notícias do Correio 22 - Partido da República

21/05/2018
 
Taxa de mortalidade infantil em Suzano cai 29% entre 2016 e 2017
Taxa de mortalidade infantil em Suzano cai 29% entre 2016 e 2017
São Paulo - A prefeitura de Suzano, sob gestão do prefeito Rodrigo Ashiuchi (PR-SP) anunciou, na última terça-feira,15, que a taxa de mortalidade infantil registrada no município caiu 29,13% na comparação entre 2016 e 2017.

Segundo a gestão republicana, a informação é do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DataSUS), órgão federal que computou dados do Sistema de Informação de Nascidos Vivos (Sinasc) e do Sistema de Informação de Mortalidade (SIM). Enquanto em 2016 a cidade havia contabilizado 15,48 mortes por mil bebês nascidos vivos, em 2017, primeiro ano do atual governo municipal, esse número diminuiu para 10,97.

Informações mais atualizadas sobre as taxas no País e no Estado de São Paulo ainda não foram divulgadas. No entanto, em 2016, a média nacional foi de 12,9, segundo o DataSUS.
Já a média paulista ficou em 10,9, conforme levantamento da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade). Quanto aos números locais, eles se referem aos partos de mães residentes em Suzano realizados em todos os hospitais de ocorrência no município, incluindo a Santa Casa de Misericórdia - que está sob administração da prefeitura - e maternidades particulares.

De acordo com a administração, entre as ações que resultaram em um índice menor estão: contratação de ginecologistas, obstetras e neonatologistas; capacitação da equipe de Atenção Básica pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), referente aos óbitos infantis com broncoaspiração alimentar (engasgo); garantia de medicamentos para as principais patologias do período gestacional; agilidade do Laboratório Municipal para envio de resultados de exames de pré-natal; encontros de sensibilização e capacitação para controle da sífilis congênita e adquirida; reuniões mensais para discussão de protocolos e investigação de óbitos pelos grupos técnicos; busca ativa de gestantes faltosas pelos postos de saúde; cobertura vacinal acima de 90% para crianças menores de um ano; e imunização das grávidas contra gripe, tétano, difteria, coqueluche e hepatite.

Conforme informações da Organização Mundial da Saúde (OMS), a taxa de mortalidade infantil é um dos principais indicadores para a realização de ações pelo Poder Público. Por meio dela, é possível refletir e avaliar não apenas a saúde infantil, mas também as condições de vida da população. O índice é calculado dividindo o número de óbitos de menores de um ano de idade pela quantidade de nascidos vivos e multiplicando por mil.



Fonte: http://www.suzano.sp.gov.br/web/taxa-de-mortalidade-infantil-em-suzano-cai-29-entre-2016-e-2017/


© - 2007 www.partidodarepublica.org.br - Todos os direitos reservados

SEDE NACIONAL DO PARTIDO DA REPÚBLICA

ENDEREÇO:

SHS quadra 6 Bloco A sala 903 - Brasil XXI . CEP: 70.316-102 - Asa Sul . Brasília-DF




Tel.: - (61) 32029922



Mais uma realização do Instituto Alvaro Valle Tel.: - (61) 32029922


LEAD         TVNEWSWEB

Site Desenvolvido pela LEAD - Produções Artísticas Comunicação & Marketing

SHIN CA 09 LT 16 SALA 115 - ED. GREEN HILLS - LAGO NORTE CEP: 71503-509

http://www.leadbrasilia.com.br/

http://www.tvnewsweb.com.br/