Presidente do PR PR nos estados Manchetes Download Hino Nacional do Brasil
História do PR Fale com o PR Notícias Republicanas Manual de Aplicação da Marca PR
Prefeituras do PR Ficha de Filiação ao PR Fotos dos Deputados do PR Assessoria Jurídica
Vereadores do PR Fórum Republicano Fotos dos Senadores do PR Vinheta do PR
Estatuto do Partido da República Manifesto do Partido da República Código de Ética do Partido da República Programa do Partido da República
 

Notícias do Correio 22 - Partido da República


Clique no ícone do Media Player para assistir ou fazer download do vídeo em wmv
 

Clique no ícone acima para conhecer a Biblioteca de Vídeos do PR no You Tube
 

Clique no ícone acima para fazer download do vídeo em MP4 e enviar pelo whatsapp
 

Clique no ícone acima para assistir ou fazer download do vídeo em Quick Time (plataformas da apple)
 
19/10/2018 — Para assistir o vídeo do lado esquerdo da tela, você precisa instalar o Flash player
 
 
Senador Wellington Fagundes (PR-MT)
Senador Wellington Fagundes (PR-MT)
Brasília - O senador Wellington Fagundes (PR-MT) participou na última quarta-feira,17, da sessão do Congresso Nacional que derrubou o veto do Governo ao piso salarial dos agentes comunitários de saúde e de combate às endemias. Com a decisão, voltará a valer o disposto no projeto aprovado em julho passado, que trata a remuneração nacional da categoria prevista na medida provisória. Os agentes receberão R$ 1.250 a partir de 2019; 1.400 em 2020 e R$ 1.550 em 2021.

“Lutamos muito, participamos de debates no Congresso Nacional, para garantir esse piso, que significa um grande avanço na defesa desses profissionais, tão importantes na luta pela melhoria da qualidade de vida da população”, lembrou o republicano. Ele ressaltou que o veto, apesar das justificativas do Governo, causou surpresa, visto que havia sido negociado com o Palácio do Planalto, na ocasião de sua votação no meio do ano.

Atualmente, Mato Grosso possui 5.572 Agentes Comunitários de Saúde e 1.867 Agentes de Combate às Endemias, que serão beneficiados diretamente com o novo piso. Em todo o Brasil são cerca 300 mil agentes de comunitários e 100 mil agentes de combate às endemias.

Membro da Comissão Mista do Orçamento, Fagundes, no entanto, voltou a reafirmar a importância do trabalho parlamentar para garantir os recursos aos municípios para que não sejam impactados pela melhoria do piso salarial. Do valor do piso salarial pago a cada agente, a União é responsável por 95%.

“Essa lei foi uma questão de Justiça. Importante agora é juntar forças para que sejam adotadas todas as medidas necessárias, de forma a não haver prejuízos, sobretudo aos municípios, que já são extremamente penalizados”, enfatizou o senador.
Ele fez questão de ressaltar que os novos valores são, na verdade, “grandes investimentos que estão sendo feitos em favor do cidadão”.

Do texto aprovado pelo Congresso, foi mantido apenas o veto que determina que, a partir de 2022, o piso seria reajustado anualmente em percentual definido na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Outros cinco pontos vetados foram derrubados pelos congressistas, sem maiores discussões.

Além do piso, a proposta aprovada também estabelece uma jornada de trabalho de 40 horas. E, a cada dois anos, os agentes de saúde deverão fazer cursos de aperfeiçoamento que serão organizados e financiados, de modo tripartite, pela União, Estados ou o Distrito Federal e municípios. Já o transporte dos agentes até os locais de atuação será financiado pelo ente ao qual o profissional estiver vinculado.



*Com informações da Assessoria de Imprensa do senador


© - 2007 www.partidodarepublica.org.br - Todos os direitos reservados

SEDE NACIONAL DO PARTIDO DA REPÚBLICA

ENDEREÇO:

SHS quadra 6 Bloco A sala 903 - Brasil XXI . CEP: 70.316-102 - Asa Sul . Brasília-DF




Tel.: - (61) 32029922



Mais uma realização do Instituto Alvaro Valle Tel.: - (61) 32029922


LEAD         TVNEWSWEB

Site Desenvolvido pela LEAD - Produções Artísticas Comunicação & Marketing

SHIN CA 09 LT 16 SALA 115 - ED. GREEN HILLS - LAGO NORTE CEP: 71503-509

http://www.leadbrasilia.com.br/

http://www.tvnewsweb.com.br/