Presidente do PR PR nos estados Manchetes Download Hino Nacional do Brasil
História do PR Fale com o PR Notícias Republicanas Manual de Aplicação da Marca PR
Prefeituras do PR Ficha de Filiação ao PR Fotos dos Deputados do PR Assessoria Jurídica
Vereadores do PR Fórum Republicano Fotos dos Senadores do PR Vinheta do PR
Estatuto do Partido da República Manifesto do Partido da República Código de Ética do Partido da República Programa do Partido da República
 

Notícias do Correio 22 - Partido da República

01/07/2019
 
Senador Wellington Fagundes (PL-MT)
Soraya Santos durante lançamento da Frente Parlamentar da Beleza e Bem Estar
Brasília - O portal de notícias “24horasnews” repercutiu, que na próxima terça-feira, 2, a Comissão de Infraestrutura do Senado deverá apreciar requerimento de audiência pública proposto pelo senador Wellington Fagundes (PL-MT) para debater os caminhos que devem ser tomados para a conclusão das obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) em Cuiabá.

A necessidade de debater uma das maiores obras inacabadas do Brasil após debate com especialistas em torno do Projeto de Lei nº 261/2018, que trata do Marco Regulatório Ferroviário e que visa incentivar os trens urbanos no Brasil.

Segundo a publicação, na audiência que debateu detalhes do PLS 261, Fagundes relatou o que chamou de 'angústia da população' de Cuiabá e de Várzea Grande com uma obra que iniciou em 2012, antes da Copa do Mundo no Brasil. Segundo ele, a população das duas maiores cidades do Estado cobram uma solução urgente. Sobretudo em função dos altos investimentos já realizados: cálculos apontam para valores acima de R$ 1 bilhão.
"Precisamos debater as questões envolvendo o VLT do ponto de vista das soluções, sem paixões políticas. Queremos ajudar o governador de Mato Grosso a resolver essa ferida", frisou o senador.

Para Wellington Fagundes, é fundamental nesse processo a participação da Comissão de Infraestrutura do Senado, uma vez que existem recursos federais envolvidos. Ele disse que o objetivo é ajudar no que for possível. Adiantou que há disposição, inclusive, da bancada em ajudar a buscar os meios para conclusão do empreendimento, lembrando o apoio do senador Jayme Campos (DEM), cuja esposa é prefeita de Várzea Grande.

Ainda de acordo com a publicação, o parlamentar ressaltou que o cidadão é quem perde com a obra parada, já que o Estado vem pagando juros altos e manutenção dos equipamentos, que sofre depreciação por falta de uso. "Há inclusive risco de tudo aquilo se perder e não podemos deixar isso acontecer" – frisou, ao ressaltar que o tempo pedido pelo governador Mauro Mendes, de um ano, é muito grande.

Presente na audiência do PLS que incentiva trens urbanos, o secretário Nacional de Mobilidade Urbana do Ministério do Desenvolvimento Regional, Jean Carlo Pejo, informou que já existe uma Comissão Especial formada por representantes de diversos segmentos envolvidos na operacionalização do processo para implantação do VLT na Grande Cuiabá. Ela foi formada a partir de uma reunião mantida com o próprio governador Mauro Mendes, em Brasília. Participam da comissão os órgãos financiadores, como o BNDES e Fundo de Amparo do Trabalhador (FAT), e também de controle, como Controladoria Geral da União e Tribunal de Contas da União, além do Ministério Público.

De acordo com o secretário do Ministério do Desenvolvimento Regional a situação do VLT na Grande Cuiabá se deve uma sequência de equívocos no processo de execução. Contudo, ele considera que há viabilidade no empreendimento, que, em sua opinião, uma vez concluído, garantirá melhorias consideráveis à cidade. "O VLT não é só um meio de transporte eficiente. Ele faz parte de um projeto de valorização do local" – disse.

Ferrovias em MT

A audiência pública para debater o futuro do VLT, a princípio, deverá acontecer no próximo dia 8, em Cuiabá, em evento a ser realizado em conjunto com a Assembléia Legislativa para tratar da expansão da Ferrovia de Rondonópolis a Cuiabá e o impacto econômico do Terminal Rodoferroviário na Baixada Cuiabana. A audiência pública deverá acontecer no auditório da Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt).

O objetivo da audiência será avaliar projetos da empresa na expansão da rede ferroviária dentro do Estado de Mato Grosso.



© - 2007 www.partidodarepublica.org.br - Todos os direitos reservados

SEDE NACIONAL DO PARTIDO DA REPÚBLICA

ENDEREÇO:

SHS quadra 6 Bloco A sala 903 - Brasil XXI . CEP: 70.316-102 - Asa Sul . Brasília-DF




Tel.: - (61) 32029922



Mais uma realização do Instituto Alvaro Valle Tel.: - (61) 32029922


LEAD         TVNEWSWEB

Site Desenvolvido pela LEAD - Produções Artísticas Comunicação & Marketing

SHIN CA 09 LT 16 SALA 115 - ED. GREEN HILLS - LAGO NORTE CEP: 71503-509

http://www.leadbrasilia.com.br/

http://www.tvnewsweb.com.br/